27º em São Paulo
Como lidar com as cólicas dos primeiros meses de vida do bebê?

Como lidar com as cólicas dos primeiros meses de vida do bebê?

As cólicas típicas dos primeiros meses de vida do bebê podem angustiar muito as mamães e papais, principalmente os de primeira viagem. Porém, o que muitos não sabem é que o incômodo e a inquietação do bebê são naturais e fazem parte da adaptação da criança no novo mundo fora da barriga. Para compreender melhor esse mal-estar conversamos com a Enfermeira especialista em Obstetrícia, Vanessa Moraes.

 

O que causa cólica e gases no bebê?

As cólicas ocorrem por uma imaturidade do sistema gastrointestinal do recém-nascido. O bebê não tem bactérias no intestino que ajudam na digestão. Essas bactérias são adquiridas durante o aleitamento materno e auxiliam no desenvolvimento e maturação do intestino. Os bebês que se alimentam de leite artificial tendem a apresentar mais cólicas, pois esse tipo de alimento demora mais para fazer digestão e podem ocasionar constipações e cólicas no recém-nascido.

 

Quais sinais o bebê apresenta quando está com cólicas ou gases?

O bebê geralmente apresenta sinais de incômodo, contrai as perninhas em direção ao abdome, solta gases, se expressa através do choro intenso mesmo estando alimentado, de fralda trocada e sem sofrer interferências do ambiente externo como frio ou calor.

 

A dieta da mãe pode interferir nas cólicas do bebê?

Não existem estudos que comprovem que a dieta da mãe interfere ou possui relação direta com as cólicas e gases do bebê. Orientamos as mães a evitarem alguns tipos de alimentos como industrializados (compostos por corantes e conservantes), e substâncias que podem deixar o bebê mais alerta, são exemplos: chocolate, café, refrigerante e chás: verde, preto e mate.

 

O que fazer para aliviar as cólicas e gases do bebê?

Quando o bebê apresentar cólicas ou incômodo por gases, damos recomendações simples que todas as mães podem fazer em casa para proporcionar alívio da cólica e gases, como: compressas quentes, massagens na barriguinha, exercícios flexionando as perninhas contra o abdome e em movimentos “bicicleta”, contato pele a pele (o bebê de bruços sobre o peito do papai ou da mamãe) e banho de ofurô – banho de balde – que ajuda a melhorar as cólicas, relaxa e proporciona ao bebê melhor descanso a noite.

 

Amamentar o bebê de maneira errada, pode causar cólicas?

Alimentar o bebê de maneira inadequada faz com que ele engula muito ar durante a mamada. O excesso de ar pode sim, provocar o aumento das cólicas. Por isso é importante contar com ajuda. Ainda na maternidade é possível pedir a orientação de profissionais experientes como Enfermeiros Obstetras e Médicos Pediatras para que as mães se sintam seguras, amamentem corretamente e o bebê seja beneficiado com a pega adequada.

 

Medicamentos, são uma opção em caso de cólica ou gases?

Essa pergunta é importantíssima: medicamento somente com orientação médica! Se os pais perceberem que mesmo seguindo as recomendações o bebê precisa de ajuda, devem consultar o Pediatra para diagnóstico correto do problema, bem como prescrição adequada do remédio de acordo com a idade e peso da criança. Nunca consuma ou ofereça medicamentos sem prescrição médica, essa recomendação vale para todas as idades.

 

 

Fonte:

Vanessa B. de Moraes

Enfermeira Obstetra

Coren: 228002

 

 

 

 

Veja mais:

Voltar
Carregando...